Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
ALMAS GÊMEAS -
ALMAS GÊMEAS -

Almas Gémeas

Foram feitos vários rascunhos tentando expressar o mais fielmente que me foi possível o sentimento do Amor de Almas-Gémeas, mas varias foram as frases eliminadas, ou alteradas diversas vezes, por sentir que não faziam jus ao sentimento que tentava retractar. Existem sentimentos que podem ser sentidos e vivenciados, mas, quando se trata de os exprimir para um papel, torna-se demasiado difícil conseguir arranjar palavras à altura, de tão sublime e maravilhosa que é essa energia que aproxima dois seres que são Almas-Gémeas.

Quando se fala em Alma-Gémea, fala-se obrigatoriamente em Amor, não no Amor intitulado como Amor Universal, aquele a que Jesus Cristo se referiu na frase “ Amai a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo”, mas sim, naquele que aproxima homem e mulher e os faz unirem-se como se fossem um só. E não será no intento da obtenção promiscua de prazeres terrenos, mas de realização de sentimentos plenos.

Todo o sentimento de Amor é sublime, e existem diversas formas de amar-mos. Amamos os nossos filhos, os nossos Pais, os nossos irmãos, os nossos amigos, os nossos bichinhos de estimação.

Amar é uma capacidade da qual o ser humano não é o único detentor, mas aquele que a consegue exprimir para além do acto de amar. Intitulamos de Alma-Gemea aquele ser que nos faz sentir o sentimento de Amor mais profundo de todos. O Amor que perdura pela eternidade e que acompanha a alma vida após vida. Quando acreditamos que vivemos varias vidas, temos de ter em conta que no decorrer delas, intercedemos com outras almas, que nos podem acompanhar, desempenhando diversos papeis em cada uma delas. Não é por acaso que sentimos logo de imediato simpatia ou antipatia por pessoas que acabamos de conhecer, e isso só é possível porque a Alma faz o reconhecimento.

Cada ser humano, possui sua essência (Alma), que vibra uma energia que é única, é essa energia não perceptível ao olhar humano que o identifica. Nesta vida actual, possuímos o nome que nos foi atribuído por nossos Pais à nascença, esse nome é a nossa identificação a nível físico, precisamos dele para intercedemos na sociedade em que estamos inseridos. A nossa identificação a nível físico nesta vida presente, será o conjunto formado pelo nosso corpo, nosso rosto e o nome que consta no nosso Bilhete de Identidade. É através desse conjunto que somos identificados pelas pessoas com quem lidamos. Mas, não somos apenas um corpo, um rosto, um nome. Somos muito mais para além disso. Poderemos ter tido vários e diferentes corpos, que nos serviram de roupagem para a Alma. Um veiculo necessário para interagirmos neste mundo físico.

O que identifica nosso ser interno, nossa Alma, é a energia que esta tem a capacidade de emitir, cada ser humano emite uma energia distinta, que permite sua identificação no plano espiritual pelo seres que nos assistem nesse plano. E é essa mesma energia que permite que identifiquemos certos seres humanos que sentimos que nos tocam a alma. E quem mais nos poderia tocar tão profundamente, senão aquele(a) que é o nosso complemento divino, a nossa Alma-Gémea. Aquele(a) que já amamos numa vida anterior a esta, e que por alguma razão reencontramos nesta vida.

O reconhecimento de Alma-Gémea pode ser desencadeado logo no instante imediato em que nos aproximamos desse ser humano, como pode acontecer ao fim de algum tempo. Mas, sempre é sentido algo de muito especial por essa pessoa, mesmo sem que tenha sido efectuado esse reconhecimento. O modo como se poderá desencadear o reconhecimento de Alma-Gémea é muito variável, pois depende de diversos factores, tais como o desenvolvimento interior que conduz ao merecimento, por ter sido determinado ou outras. Encontrar a nossa Alma-Gémea é uma realidade possível de ser vivida. As energias que um reconhecimento de Alma-Gémea fazem despontar podem ser de tal modo grandiosas, que se não soubermos canaliza-las da melhor forma, de modo a equilibra-las, poderemos ficar completamente destroçados. Não que um reencontro do género seja negativo, ele é muito positivo, poderá é não suceder para os fins que o ser humano mais anseia.

A realização de um relacionamento perfeito. Por vezes tal encontro sucede para fazer com que um dos dois desperte para o que até então estava adormecido. Poderá suceder que antes ou depois desse encontro um dos dois ou ambos passem por transformações, realizações e confrontos com decisões de âmbito diversificado. Um reconhecimento de Alma-Gémea por si só, faz estremecer nosso mundo por completo, força-nos a reavaliar nossa existência e se não houver consumação de relacionamento, poderá tornar-se algo muito difícil de suportar. Será como ter uma jóia muito preciosa ao alcance de nossas mãos, bastando querer para a tomarmos como nossa, mas, então cometemos um pequenino erro, tomados pela cegueira de nosso intenso desejo, esquecemos por completo que o outro também terá de querer, de estar pronto e liberto para usufruir dessa mesma jóia preciosa.

Muito dificilmente um relacionamento de Alma-Gémea poderá ser consumado, caso um dos dois se encontre num nível de consciência inferior ao do outro. Neste caso, apenas um poderá fazer o reconhecimento, enquanto o outro provavelmente nem se ira dar conta, apenas vindo a aperceber-se mais tarde, ou mesmo nunca, caso não evidencie esforços para se tornar merecedor dessa realidade. Alguns destes encontros poderão ter sido pre-determinados a suceder numa altura estabelecida por ambos antes da reencarnação, se algum dos dois não se preparou devidamente, se não conseguiu atingir um dos requisitos mais importantes, que é o de elevar o seu nível de consciência, este encontro ao dar-se, poderá não surtir o efeito desejado e conveniente para ambos, e é aqui que o perigo de suceder um desequilíbrio se torna um perigo eminente.

Todo aquele que acredita na existência da Alma-Gémea, sentindo no mais profundo de seu âmago, é o que veio com o propósito de viver esse reencontro, e quando assim é, sentimos constantemente o apelo do outro. Não há forma de determinar se existirá ou não na nossa vida a possibilidade de um encontro de Almas-Gémeas. Por vezes, poderemos receber um aviso através de um sonho, um sonho que nos demonstra que pode estar ao nosso alcance um Amor tão intenso e verdadeiro quanto este, mas nunca será determinado um tempo preciso para acontecer. Mas, um sonho do género pode nos imbuir de toda a esperança e fé que necessitávamos para nos tranquilizar-mos, fazendo-nos sentir profundamente que na altura certa ele realizar-se-á.  

Autor Anonimo